Projetos FacePhi continuam mesmo com o COVID

Um dos hospitais líderes de Seul incorpora a tecnologia de reconhecimento facial da FacePhi

Os projetos de reconhecimento biométrico que a FacePhi está desenvolvendo e que planejou lançar nos próximos meses continuam normalmente, apesar da atual crise econômica global que se gerou devido ao COVID-19.

Mira considera que a situação atual “não nos vai afetar substancialmente, embora nossos clientes sejam maioritariamente do sector financeiro”, pois, como acrescenta, “nenhum dos nossos projetos se encontra paralisado ou cancelado, tudo continua como planejado”. Apesar da atual crise global, “nossa empresa funciona perfeitamente e estamos totalmente operacionais. Ser uma empresa internacionalizada, em nosso caso, tem sido uma mais-valia para enfrentar este contexto. Na verdade, nossa equipe continua implementando projetos eletronicamente e tanto investidores quanto clientes são atendidos normalmente por meio de reuniões online, como sempre fizemos”.

Por outro lado, a política de contratações da firma para atrair novos talentos continua a evoluir, ao ponto que a empresa procura incorporar novos quadros nas áreas de I+D+i, desenvolvimento de negócios e marketing.

O cenário econômico incerto que se abriu em escala global não parece estar afetando a FacePhi, que acaba de incorporar sua tecnologia de reconhecimento facial ao Hospital Kangbuk Samsung de Seul em colaboração com a empresa coreana NSSMART, que se encarregou de construir uma solução de automação para o funcionamento da tecnologia neste hospital.

Esse serviço facilita muito o processo de verificação da identidade dos pacientes, uma vez que eles podem ser identificados com o rosto e não é necessário, portanto, ter cartão médico atualizado ou número de registro. No ano passado, o governo coreano reforçou a segurança na verificação das identificações dos pacientes para evitar perdas financeiras causadas por fraude e, assim, alcançar estabilidade contábil no seguro de saúde.

Assim, se espera que esta tecnologia desempenhe um papel fundamental na prevenção de fraudes e no reforço do serviço prestado aos utilizadores, através desta solução de reconhecimento facial que permite um processo de autenticação simples. Se estima também que esse reconhecimento facial reduzirá o custo de impressão de cartões médicos, uma vez que a maioria deles não serão precisos.

O grau de internacionalização da empresa está a permitir que sua atividade continue ao ritmo habitual. Tanto é que continua o desenvolvimento do plano de internacionalização que visa consolidar a FacePhi como referência no mercado LATAM e APAC. Neste último foi possível iniciar a atividade no setor da saúde através do Hospital Kangbuk Samsung em Seul.

Desta forma, se verifica um crescimento contínuo do número de clientes e áreas geográficas, bem como novos sectores onde aplicar a tecnologia que define o potencial da empresa mesmo em tempos difíceis.

 

Sobre a FacePhi

FacePhi é a empresa especializada em soluções biométricas multifatoriais com sede em Alicante (Espanha). A empresa foi criada em 2012 e desde então tem concentrado sua atividade nos setores financeiro e de saúde. Da mesma forma, a FacePhi opera no BME Growth (Mercado Alternativo Bursátil) desde 2014, desde 2020 na Euronext Growth e comercializa seus produtos tecnológicos focados na segurança das entidades.

Para mais informações: www.facephi.com / http://inphinite-facephi.com

Alicante, 30 de abril de 2020